7 razões para acreditar na existência de Deus

Acreditar é uma opção, eu posso definir em que e em quem acreditar, mas há alguns fundamentos que se tornam incontestáveis mesmo olhando com olhos racionais e humanos.

Por todas as gerações da humanidade o homem descreve a existência de um poder divino, só divergem ao expressar esse poder. Alguns o descrevem em forma de vários deuses, outros em um só, alguns em imagens, outros em pensamento. Mas está na natureza humana a crença nesta força maior.

A existência de Deus como criador do homem e de tudo o que há na terra pode ser comprovada quando se busca evidências que o próprio homem não consegue explicar. E quando este se desprende de seu pensamento racional e se entrega à sua essência, a mesma que conduziu a humanidade desde sempre à busca de uma força maior e criadora.

Veja 7 pontos a ponderar sobre a existência de Deus:

1 – Olhe para dentro de si mesmo, converse com o “eu” interior e tente explicar com o entendimento humano sua existência sem a ação de um poder Divino. Ouça a vida acontecendo dentro de você a partir dos batimentos cardíacos aos comandos cerebrais. Que mecanismo é esse que mantém a vida ou que a um impacto pode deixar de funcionar?

2 – Olhe ao redor e veja a diversidade da fauna e flora. Como tudo isso pode existir sem um comando? Em pouco tempo gatos estariam agindo como cães e vice-versa, mas não agem assim mesmo que convivam juntos desde o nascimento! Continuam a cumprir a medida de sua criação.

3 – Em um momento de medo, solidão e angústia a quem nosso pensamento se remete? Em algum momento como este certamente você se voltou para o céu em busca de um Ser onipotente para lhe dar consolo e esperança. Houve uma manifestação divina? Certamente não! Mas há muitos relatos de que algo mudou dentro da pessoa, como um sentimento de paz incompreensível, a coragem de agir afastando o medo ou simplesmente a aceitação da situação que até o momento parecia insuportável. Se fosse só poder humano, isso seria constante e não haveria insegurança.

4 – A vida sendo gerada dentro do ventre de uma mulher nos faz pensar em como o corpo humano é complexo, e mesmo com toda a tecnologia o homem não é capaz de gerar e fazer crescer a vida mecanicamente, o máximo que se chegou foi à fecundação in vitro, mas sem um útero humano não é possível dar continuidade ao processo.

5 – O homem por mais que tente não consegue dominar alguns processos chamados de naturais como seca, inundações, furacões, terremotos e o próprio envelhecimento do corpo. Que força é essa que age sem o consentimento do homem? Alguns dizem que é força da “mãe natureza”. Então pergunto qual a diferença em acreditar em uma força invisível da natureza e o poder de um Deus que afirma nos ter criado a sua imagem e semelhança? (Genesis 1:27). Nenhuma. Por isso os que preferem crer na existência de uma força natural, o fazem pela simples decisão de não crer em Deus.

6 – A Bíblia e outros registros nos dão a confirmação da existência de Deus, mas ainda assim muitos questionam a veracidade desses registros. Claro que a manipulação do homem pode ter alterado o sentido para seu próprio benefício, mas a essência não pode ter sido manipulada, pois há registro muito antes da Bíblia provando que o homem sempre acreditou em um Ser Divino e Criador. Será que isso não é suficientemente prova de que está na essência do homem este conhecimento, assim como cada coisa na natureza age de acordo com sua espécie o homem que crê em Deus também está agindo de acordo com sua espécie? Espécie que provém da criação de um Ser Supremo que nos fez a sua imagem e semelhança.

7 – A última razão que sugiro para crer em Deus está na prova que você pode fazer de sua fé, ou seja, “acreditar naquilo que não se vê, mas sabe ser verdade”. Assim como não vemos o ar, mas o sentimos e sabemos que sem ele não podemos viver. Deus não precisa se mostrar para que creiamos Nele, basta se voltar para dentro de si próprio e buscar a essência de sua existência e tenho certeza de que encontrará um desejo inexplicável de acreditar na existência de um Pai Criador que nos ama e espera que retornemos a sua presença. Pois estamos aqui vivendo uma parte de nossa experiência divina.

Como disse no início, acreditar é uma opção. Só que o ser humano tem um instinto que o conduz em muitos aspectos da vida, mesmo quando bebê, a criança sabe a necessidade que tem em buscar por alimento e quase que involuntariamente quer sugar qualquer coisa que se encoste a seus lábios, pois sabe que este é o meio que suprirá suas necessidades.

Assim somos nas questões espirituais, o homem vive em constante busca por provas de que Deus existe ou não. Isso já é indício de que por alguma razão se sabe da existência de um Ser Divino que não se conhece, mas se tem necessidade.

O fato de que algumas pessoas não acreditam em Deus, não elimina o fato de que Ele existe.

Retirado de : http://familia.com.br/7-razoes-para-acreditar-na-existencia-de-deus em 24/04/2014